IMAGENS MULTISSITUADAS, PERFORMANCE E O DIGITAL

PESQUISAS CONTEMPORÂNEAS EM ARTE E ANTROPOLOGIA

Autores

  • Marina Cavalcante Vieira DCS UFS
  • Cristina Barretto de Menezes Lopes Doutora em Artes Visuais, UNICAMP

DOI:

https://doi.org/10.21665/2318-3888.v11n22p09-25

Resumo

Não existe cientista social que não se depare com imagens em suas pesquisas contemporâneas, sejam fotográficas, audiovisuais, memes que circulam em redes sociais ou imagens institucionais em páginas oficiais dos grupos estudados: as imagens circulam. O artigo a seguir surge como um convite para observarmos a importância dos campos das imagens, da performance e do digital como possibilidades exploratórias de pesquisas multissituadas em antropologia. O tema surge como um encontro entre pesquisadoras que se colocam a pensar imagens e performances a partir de origens e formações distintas. O objetivo do nosso trabalho é apresentar o conceito de etnografia multissituada, de George Marcus, diante da análise da performance de Richard Schechner e da emergência da antropologia digital, como forma de compreender a proliferação, circulação e multissituacionalidade das imagens contemporâneas. O texto apresenta a articulação desses diversos campos em uma discussão teórico-metodológica sobre as condições e possibilidades criativas de fazer pesquisa em antropologia, arte e teatro. As relações entre arte e antropologia se manifestam no contexto do experimentalismo em pesquisa e nos processos de construção de linguagens, promovendo conhecimentos interdisciplinares que desafiam as formas convencionais de conduzir pesquisa. O artigo apresenta um panorama e uma discussão sobre as mudanças paradigmáticas que norteiam as formas de fazer pesquisa nas ciências sociais hoje, como forma de contextualizar as aproximações contemporâneas entre arte e antropologia, em seguida apresentando as articulações entre imagens, performances e antropologia digital como etnografias multissituadas.   

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2024-02-05 — Atualizado em 2024-02-26

Versões

Edição

Seção

Dossiê: Paisagens em transição