O estilo na tradução dos textos preambulares da Brevíssima relação da destruição das Índias de frei Bartolomé de las Casas

Autores

Palavras-chave:

Tradução, Frei Bartolomé de las Casas, Crônicas das Índias, Literatura Hispano-Americana, Brevíssima relação

Resumo

Essa tradução apresenta os textos preambulares da Brevísima relación de la destruición de las Indias, de frei Bartolomé de las Casas, sendo parte do projeto de pesquisa de estágio de pós-doutorado realizado no âmbito do Programa de Pós-Graduação em Estudos de Literatura da Universidade Federal de São Carlos. A tradução completa da obra, que conta ainda com vinte capítulos sobre a destruição dos reinos do Novo Mundo, está em fase de revisão para futura publicação, que será ornada com as dezessete gravuras que Theodor Dietrich de Bry preparou para a edição latina da Brevísima de 1598. A tradução dessa primeira parte da obra busca manter, sempre que possível, o tom providencialista de um estilo empenhado por um religioso do século XVI, intermediando a leitura para um leitor mais contemporâneo, atualizando parte do vocabulário, mas mantendo a sintaxe, por vezes, redundante e repetitiva do frei, principalmente no uso de conjunções e preposições.

Biografia do Autor

Deolinda de Jesus Freire, Universidade Federal de São Carlos

Doutora em Letras - Língua Espanhola e Literaturas Espanhola e Hispano-Americana pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH/USP). A pesquisa desenvolvida no doutorado, bem como no mestrado, abordou os gêneros de narração da conquista das Índias Ocidentais, com ênfase para a História e a Crônica. Atualmente, é professora com Dedicação Exclusiva (40h) da Universidade Federal do Triângulo Mineiro, vinculada ao Departamento de Estudos Literários e  ao Programa de Mestrado Profissional em Letras (Profletras), atuando na área de Língua Espanhola, Literaturas Espanhola e Hispano-Americana e Ensino de Literatura. O estágio de pós-doutorado foi realizado na Universidade Federal de São Carlos, sob a supervisão do prof. Dr. Wilson Alves-Bezerra, na área de tradução de Literatura Hispano-Americana.

Referências

GENETTE, Gérard. Palimpsestos: a literatura de segunda mão. Tradução de Luciene Guimarães e Maria Antônia Ramos Coutinho. Belo Horizonte: FALE/UFMG, 2006.

HANSEN, João Adolfo. Categorias epidíticas da ekphrasis. Revista USP, São Paulo, n. 71, p. 85-105, set./nov., 2006.

HANSEN, João Adolfo. Barroco, neobarroco e outras ruínas. In: Floema. Caderno de Teoria e História Literária. Especial “João Adolfo Hansen”. Ano II, n. 2. Vitória da conquista: Edições UESB, outubro 2006.

LAS CASAS, Bartolomé de. Brevísima relación de la destruyción de las Indias. Sevilha: Sebastián Trujillo, 1552.

LAS CASAS, Bartolomé de. Brevísima relación de la destruición de las Indias. Edición de André Saint-Lu. Madri, Cátedra, 2001.

LAS CASAS, Bartolomé de. Brevísima relación de la destruición de las Indias. Edición de Isacio Pérez Fernández. Madri, Editorial Tecnos, 2008.

LAS CASAS, Bartolomé de. Brevísima relación de la destruición de las Indias. Edición, estúdio y notas de José Miguel Martínez Torrejón. Madri, Real Academia Española, 2013.

LAS CASAS, Bartolomé de. Brevíssima relação da destruição das Índias. Tradução de Júlio Henriques. Lisboa, Edições Antígona, 1990.

LAS CASAS, Bartolomé de. Très brève relation de la destruiction des Indes. Tradução de Fanchita Gonzalez Batle. Paris, Editions La Découverte, 1991.

LAS CASAS, Bartolomé de. O Paraíso destruído. Tradução de Heraldo Barbuy. São Paulo, Editora L&PM, 2001.

SAINT-LU, André. Introducción. In: LAS CASAS, Bartolomé de. Brevísima relación de la destruición de las Indias. Madri, Cátedra, 2001, pp. 11-65.

Publicado

2023-08-22

Como Citar

FREIRE, Deolinda de Jesus. O estilo na tradução dos textos preambulares da Brevíssima relação da destruição das Índias de frei Bartolomé de las Casas. A Palo Seco – Escritos de Filosofia e Literatura, São Cristóvão-SE: GeFeLit, n. 16, p. 149–164, 2023. Disponível em: https://periodicos.ufs.br/apaloseco/article/view/n16p149. Acesso em: 23 abr. 2024.

Edição

Seção

Traduções